Início NOTÍCIAS RS: Polícia Civil deflagra a “Operação Solidão” em repressão à caça ilegal...

RS: Polícia Civil deflagra a “Operação Solidão” em repressão à caça ilegal de animais silvestres

135
0
binary comment

Foto: Polícia Civil

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia Especializada de Proteção e Defesa do Meio Ambiente e dos Animais (DEMA) do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC) deflagrou, na manhã de quinta-feira (9), a “Operação Solidão” com o objetivo de reprimir a prática do crime de caça ilegal de animais silvestres no município de Mostardas, no distrito da Solidão,litoral sul do estado.

Durante a ação foram cumpridos oito mandados de busca e apreensão que resultaram na apreensão de 28 armas de fogo (espingardas, carabina, rifles) de diversos calibres e munições variadas. Petrechos de caça e pesca também foram localizados, além de suprimentos para recarga e acessórios para arma de fogo, um freezer e telefone celulares.

Foram realizadas as prisões em flagrante de duas pessoas pela posse de arma de fogo de uso permitido, autuadas pelo artigo 12 da Lei n° 10.826/2003, entretanto foi arbitrada fiança, cujos valores serão pagos pelos autuados.

Segundo a delegada Marina Ver Goltz, os mandados foram cumpridos em Mostardas, no Distrito da Solidão, por isso o nome da operação, e em Capivari do Sul. “A investigação teve início em setembro de 2021 a partir de denúncia de caça ilegal e uso de armamentos e/ou acessórios ilegais, tais como silenciadores. Conforme denunciado, os integrantes do grupo criminoso reúnem-se para caçadas ilegais de animais silvestres na região, especialmente de marrecões, abatendo as aves para serem comercializadas.

Conforme apurado, uma pessoa limpava as aves no valor de sete reais, sendo que as mesmas seriam posteriormente vendidas por cerca de trinta reais pelos próprios caçadores, conforme descreve a Delegada Marina.

Os investigados poderão responder pelos crimes previstos nos artigos 29 da Lei 9.605/98, com penas de detenção de 6 meses a 1 ano, e multa, e artigo 2º da Lei 12.850/2013, com pena de reclusão, de três a oito anos, e multa. A ação contou com o apoio da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (SEMA) e da Associação Riograndense de Proteção Animal e meio Ambiente. (ARPA).

Fonte: Polícia Civil do Estado do Rio Grande do Sul

 

Programa Mundo Animal na rádio Mares do Sul 87,9 de Marechal Deodoro Alagoas  das oito as nove aos sábados.( está no aplicativo rádios net  e no www.mundoanimalmaceio.com.br)

Quem não ama os animais jamais vai amar o semelhante”.

Colaboradores do programa mundo animal ano XXI:

Vereador por Marechal Deodoro André Bocão deseja um FELIZ NATAL pata todos

Consultório veterinário dr Marcelo Lins   99981 5415

@defesaanimalemacao

Comissão do Bem Estar Animal da OAB Alagoas- presidente dra Rosana Jambo

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui