Início NOTÍCIAS Advogada adota cachorro cego após vê-lo em notícia na TV

Advogada adota cachorro cego após vê-lo em notícia na TV

248
0

A advogada Maria Cláudia Vieira Fuim, de 44 anos, viu a história de um cachorro em uma chamada na televisão e resolveu mudar a vida do animal. Téo foi vítima de maus-tratos por muito tempo, e acabou sendo resgatado por um lar temporário no Guarujá, litoral de São Paulo.

Maria Cláudia relatou ao G1 que, antes de adotar Téo, já tinha outro cachorrinho, o Nick, de 3 anos, mas já pensava em ter outro cão para fazer companhia a ele. “Mas eu não queria comprar, queria adotar um cãozinho que realmente precisasse de um lar, de carinho, que tivesse sido abandonado ou retirado de maus-tratos, mesmo que fosse doentinho, idoso”, diz.

Segundo a advogada, ela estava assistindo TV, quando viu uma chamada de um programa de notícias sobre três animais resgatados de maus-tratos, dentre eles o Téo, que até então ainda não era chamado por esse nome. “Eu vi no g1 em Minuto de Santos sobre esses três animais, e que um deles, um yorkshire, estava inclusive com larvas nos olhos. E de repente apareceu a foto dele, todo pequenininho, todo sujinho, com o olhinho muito machucado. Naquele momento, meu coração doeu demais, mas, ao mesmo tempo se encheu de um amor inexplicável, foi realmente amor à primeira vista”, afirma.

Maria Cláudia, então, começou uma procura pelas redes sociais, e localizou o comentário de uma mulher chamada Luciana, informando que o cão estava com ela no lar temporário, se recuperando, e que após melhorar estaria disponível para adoção.

“Depois disso, ela me explicou que eu poderia adotar, mas que ele tinha alguns probleminhas, já não era novinho, era ceguinho, tinha problema nos rins e talvez fosse diabético. Além disso, por conta da idade, tinha um soprinho no coração, dentre outras coisinhas. Eu disse para ela que nada disso importava, que eu queria ele comigo exatamente com tudo isso, e exatamente do jeitinho que ele era”, afirma a advogada.

Com isso, Maria ficou acompanhando o estado de saúde do cachorro e a evolução dele. O nome Téo foi dado por Maria ao cachorrinho quando ele chegou em sua casa, localizada em Santos, cidade vizinha de Guarujá. De acordo com ela, o cão conquistou todos e se deu muito bem com o outro cachorrinho da família, o Nick.

Depois da chegada de Téo, a advogada afirma que sentiu sua vida mais completa e feliz. “Não me arrependo nem um segundo de ter adotado o Téo, e faria mil vezes a mesma coisa e muito mais para tê-lo comigo. Ele me faz um bem enorme todos os dias, quando vem com a carinha mais fofa do mundo e me olha com aqueles olhinhos lindos, cheios de amor e gratidão, com um amor puro. Não tem nada melhor nesse mundo, sou perdidamente apaixonada por ele, e não imagino mais minha vida sem ele”, finaliza.

Fonte e foto: BNews

Programa Mundo Animal na rádio Mares do Sul 87,9 de Marechal Deodoro Alagoas  das oito as nove aos sábados.( está no aplicativo rádios net  e no www.mundoanimalmaceio.com.br)

Quem não ama os animais jamais vai amar o semelhante”.

Colaboradores do programa mundo animal ano XXI:

Vereador por Marechal Deodoro André Bocão deseja um FELIZ NATAL para todos

Consultório veterinário dr Marcelo Lins   99981 5415

@defesaanimalemacao

Comissão do Bem Estar Animal da OAB Alagoas- presidente dra Rosana Jambo

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui