Início NOTÍCIAS Campanha ‘Big Pet Brasil’ agita as redes sociais e incentiva a adoção...

Campanha ‘Big Pet Brasil’ agita as redes sociais e incentiva a adoção responsável

219
0

Vanessa Santos | Redação ANDA

A ONG Viva Bicho que atua na cidade de Santos, no litoral de São Paulo, aproveitou a repercussão do reality show Big Brother Brasil, para criar uma campanha de incentivo a adoção de animais carentes. Intitulada de Big Pet Brasil, o movimento ganhou milhares de interações nas redes sociais.

Leila Abreu, voluntária da ONG, contou que a ideia surgiu em uma reunião, pouco depois do começo do programa, e assim como o show televisivo, também reúne regras criteriosas para quem quiser participar.

Nos posts, a organização explica que “para eliminar um participante do abrigo direto para a sua casa, basta entrar em contato com o setor de adoção e dizer em quem você vota e o porquê”. Porém, devido as regras, nem todos os interessados conseguem chegar ao fim das etapas.

Leila explicou em entrevista para o G1 que, apesar da grande procura, ainda não houve muitas adoções. Isso acontece porque a ONG analisa as condições dos interessados, para garantir que os cães e gatos sejam bem acolhidos, e principalmente, não sejam devolvidos para o abrigo.

“No processo de adoção, as pessoas preenchem um questionário, mandam para a gente, e nós analisamos. Enquanto tem questionário em análise, a gente não elimina ninguém da campanha”, explica a voluntária.

Leila explica que a maior parte dos animais da ONG Viva Bicho Santos foi resgatada de situações de abuso e maus-tratos e estavam “quase mortos” no momento do salvamento. A voluntária explica que após passarem pelo tratamento de recuperação, os animais são mantidos em locais acolhedores e tem toda a estrutura de saúde e alimentação disponíveis. Por conta disso, a organização só realiza a adoção quando a família adotante garante a continuidade dos cuidados e aconchego do cão ou gato. “Adoção não é só amor”, declara Leila.

“Uma pessoa que trabalha fora oito horas por dia fica, no mínimo, nove horas longe do animal. Então, ele começa a desenvolver comportamentos como chorar, uivar e comer coco. Então quando isso acontece, a pessoa diz ter ficado decepcionada e acaba devolvendo o animal, e não é isso que queremos”, pontua a voluntária.

As pessoas encarregadas pela adoção dos participantes do Big Pet Brasil são criteriosas e analíticas, segundo Leila. Ela explica que os interessados nos “brothers” de quatro patas devem entrar em contato com a ONG Viva Bicho para iniciar o processo de adoção. “A gente faz toda essa análise para evitar ao máximo a devolução dos animais, e garantir que eles tenham uma vida plena e feliz”, finaliza a protetora.

Foto: Reprodução | Redes Sociais

Fonte: anda.jor.br

Programa Mundo Animal ano XXII na rádio Mares do Sul FM 87,9 de Marechal Deodoro Alagoas  das oito as nove aos sábados.( está no aplicativo rádios net  e no www. mundoanimalmaceio.com.br)

NÃO COMPRE…….ADOTE… NÃO SE COMPRA UM AMIGO.

Comissão de Bem Estar Animal da OAS (AL) presidente dra Adriana Alves

@defesaanimalemacao ( 82 98778 0221 )

Colaboradores do  programa Mundo Animal ano XXII :

Vereador por Marechal Deodoro  ANDRÉ BOCÃO – gente da gente –  #colacomagente #andrebocao #marechaldeodoro

Consultório veterinário dr Marcelo Lins   99981 5415

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui