Início NOTÍCIAS FAKE NEWS: Cachorro segue carro durante corrida de aplicativo e motorista...

FAKE NEWS: Cachorro segue carro durante corrida de aplicativo e motorista é ameaçado na web

88
0

Foto: Ilustração | PXHere

Um motorista de aplicativo de 24 anos está sofrendo ameaças nas redes sociais após um vídeo que mostra um cachorro correndo atrás do carro dele em Praia Grande, no litoral de São Paulo. A imagem foi divulgada na web como se ele tivesse abandonado o animal na rua.

Leonardo Dias de Lima explicou que foi chamado para uma corrida por aplicativo no bairro Tude Bastos, e que no local, notou a presença do animal. “Esse pessoal ia à praia. Entraram no carro e o cachorro começou a seguir a gente, e eles gritaram para o cão voltar”, disse ele em entrevista para o G1.

Ao ver a situação, Lima questionou os passageiros se eles queriam que ele parasse o carro, mas disseram que não. Por isso, seguiu a corrida normalmente. A imagem do animal seguindo o veículo foi gravada, sem ele perceber, na Avenida dos Trabalhadores.

“Por volta das 22h, um amigo me mandou mensagem falando que o vídeo estava circulando nas redes sociais, que o cara filmou a minha placa. Teve mais de mil compartilhamentos, o pessoal me xingando, me ameaçando, falando que tinha que bater e matar, e foi aí que eu comecei a me pronunciar”, disse.

Leonardo entrou em contato com a pessoa que teria gravado o vídeo e divulgado nas redes sociais. Ele chegou a fazer um novo vídeo, dizendo que havia errado, mas, após o motorista divulgar o conteúdo nos perfis dele, como forma de defesa, sofreu ameaças e foi xingado por esse rapaz, que fez novas acusações contra ele. “Teve muitas ameaças, inclusive, estou com medo de trabalhar, de alguém não ter visto que realmente não fiz nada, e que foi tudo um mal-entendido”, declara Leonardo.

O motorista decidiu retornar ao endereço onde iniciou a corrida com a família, no bairro Tude Bastos, e lá, eles informaram que o cachorro é da rua, que todo mundo que mora ali cuida dele, e que o animal tem um carinho grande por todos. Por isso ele seguiu o veículo durante parte do percurso, mas eles nem colocam o cão para dentro de casa.

Fake news

Com medo das ameaças, Leonardo registrou um boletim de ocorrência de calúnia e injúria, na sexta-feira (28). “Se a pessoa tivesse a humildade de assumir que errou, eu deixaria para lá, porque erros acontecem. Teve pessoas que foram me defender, mas ele quis me passar como vilão, me prejudicar por algo que eu não tinha feito. Meu advogado orientou a dar continuidade no processo”, explica.

“A gente fica muito assustado, como uma mentira pode se tornar uma verdade, né? Porque quem não conhece acaba acreditando no que foi postado, na famosa fake news. Eu, particularmente, estou muito assustado, porque a gente vê caso de pessoas sendo mortas por notícias falsas”, afirma.

Ele afirma que voltará à delegacia com a presença do advogado, e com as provas que juntou, para dar continuidade ao caso. “Ele vai responder pelo ato dele, e eu espero que tudo volte ao normal. Muitas pessoas só viram o vídeo e acham que o carro abandonou o cachorro, mas não sabem o contexto da história”.

O motorista, que não tem cachorro, ressalta que o poder da mentira pode destruir vidas. “A única coisa que desejo é que as pessoas busquem primeiro as informações, para depois serem compartilhadas. Fake news é crime. Graças a Deus, não me aconteceu nada, e espero que não aconteça. As pessoas estão entendendo que foi um mal-entendido”, finaliza Leonardo.

Fonte: G1

 

Programa Mundo Animal ano XXII na rádio Mares do Sul FM 87,9 de Marechal Deodoro Alagoas  das oito as nove aos sábados.( está no aplicativo rádios net  e no www. mundoanimalmaceio.com.br)

NÃO COMPRE…….ADOTE… NÃO SE COMPRA UM AMIGO.

Comissão de Bem Estar Animal da OAS (AL) presidente dra Adriana Alves

Clinshopmaceio  (82 ) 9675 8715

@defesaanimalemacao ( 82 ) 98778 0221

Colaboradores do  programa Mundo Animal ano XXII :

Vereador por Marechal Deodoro  ANDRÉ BOCÃO – gente da gente –  #colacomagente #andrebocao #marechaldeodoro

Consultório veterinário dr Marcelo Lins   99981 5415

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui