Início DESTAQUES Prefeitura de Ibaté (SP) é acusada de exterminar animais com injeções de...

Prefeitura de Ibaté (SP) é acusada de exterminar animais com injeções de gasolina e enforcamento

276
0

Clicar sobre a imagem para editar ou atualizar.

Remover imagem destacada

Chegaram até o Portal RCIA Araraquara denúncias graves contra o Centro de Zoonoses da vizinha cidade de Ibaté, SP. Moradores entraram em contato com a reportagem, mas preferem não se identificar por receio de represálias.

Na segunda-feira (26), as denúncias começaram a chegar via WhatsApp informando que vários animais teriam desaparecido do Centro de Zoonoses, em junho de 2018. Em suas fichas onde deveria constar o cadastramento de seus adotantes, está escrito apenas “Sitio”, sem nenhuma informação de onde seria esta localidade.

Gatos que estariam no Centro na mesma época também desapareceram. Segundo relatos neste período a veterinária responsável estaria de férias e quem comandava as atividades no local seria um funcionário do setor, conhecido na cidade por fazer eutanásia em animais indiscriminadamente, inclusive injetando gasolina, ou ainda asfixiando através de enforcamento.

Uma das senhoras que falou com a reportagem – fonte que guardamos sob sigilo – afirma que este senhor não é veterinário, mas atende os animais como se fosse, e que muitas vezes as pessoas levam seus bichos doentes para tratamento e ele indica a eutanásia. Também há denúncias de animais que pegaram cria, dentro do centro, onde na realidade deveriam ser castrados.

“Um lugar que deveria cuidar de animais, na realidade sacrificam os bichos para dar espaço, muita gente que trabalha lá sabe que isso acontece, e não foi só em 2018, mas não se dispõe a denunciar, pois tem medo, estamos com uma raposa no galinheiro, mas vou levar as denúncias ao Ministério Público” – afirmou a moradora de Ibaté.

A reportagem entrou em contato com uma Ong que é referência na cidade para saber se já houve denúncias neste sentido. Viviane Serafim Makiyama, responsável pela “Amar é o bicho”, afirma que este senhor a qual estão direcionadas as denúncias, já é conhecido na cidade por atender animais, sem nunca ter sido veterinário, portanto é possível que já tenha matado muitos. Na cidade, alguns moradores o chamam de Josef Mengele, médico alemão que torturou e matou milhares de pessoas em nome da ciência nazista.

Diz ainda que chegam até ela, denúncias de que este funcionário da Zoonoses estaria cometendo atrocidades, inclusive pessoas chegam a contratá-lo para que faça a eutanásia, que ele pratica de forma precária. “Muita gente já viu, ou contratou, mas não querem denunciar, então não temos como provar, mas denúncias sempre chegam”, afirmou Viviane.

PREFEITURA DE IBATÉ

Por várias vezes entramos em contato com a Prefeitura Municipal, que limitou-se a dizer que seriam boatos. A nota prometida sobre a questão não foi enviada com a resposta alegando “reunião”.

Fonte e foto: RCIA Araraquara

Nota do Olhar Animal: Acompanharemos o desenrolar da denúncias feitas pelo Portal RCIA Araraquara e também aguardamos a manifestação da Prefeitura de Ibaté sobre o assunto para publicarmos.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui