Início DESTAQUES Homem é filmado espancando cachorra por sentar em sua poltrona///Por Eliane...

Homem é filmado espancando cachorra por sentar em sua poltrona///Por Eliane Arakaki, ANDA

263
0

Rose foi resgatada e agora está segura aos cuidados da ONG RSCPA, seu ex-tutor foi denunciado, condenado ao pagamento de uma multa e proibido de viver na companhia de animais por 5 anos.

Clicar sobre a imagem para editar ou atualizar.

Remover imagem destacada

Foto: Triangle News

As imagens perturbadoras mostram um homem dando socos em um cão doméstico em um flagrante de abuso e crueldade. Kieran Huelin, 36, pode ser visto em sua casa batendo e gritando com sua cachorra Rosie, que então se encolhe apavorada em uma poltrona na qual está deitada.

A RSPCA foi chamada para investigar, a ONG de proteção animal recebeu a denúncia acompanhada do vídeo mostrando Huelin atacando sua cachorra da raça staffordshire bull terrier supostamente porque ela estava sentada em sua poltrona. A cachorrinha apavorada e sem reação se encolhe visivelmente em choque.

O agressor foi proibido de manter cães por cinco anos por magistrados do tribunal responsável pelo caso e recebeu uma ordem de prestação de serviços comunitários de 12 meses.

Danni Jennings foi o inspetor enviado para investigar a agressão no apartamento de Huelin em 14 de junho. A RSPCA também recebeu alguns detalhes de onde o incidente teria ocorrido. Jennings reconheceu Huelin, que morava no apartamento, como o homem no vídeo, que é muito forte para ser exibido na íntegra. O tribunal dos magistrados de Bolton, na Inglaterra, foi informado que Huelin cedeu Rosie aos cuidados da RSPCA durante a investigação.

O inspetor disse: “Os tutores de cães devem sempre garantir que os animais domésticos que vivem ao seu lado, sejam tratados adequadamente e não seja vítimas de estresse ou ameaça por qualquer comportamento agressivo ou antissocial.

“O tratamento dos animais deve sempre ser baseado em amor e confiança e não deve incluir punição física, pois isso pode causar dor, sofrimento e angústia”, ressaltou Jennings, acrescentando: “Rosie é uma cadela adorável e saltitante em seu estado natural, mas nesta filmagem ela é exatamente o oposto disso”.

Huelin admitiu sua culpa perante a acusação de crueldade animal sob a Lei de Bem-Estar Animal quando ele compareceu à corte. Além da ordem de proibição e da prestação de serviços comunitários, ele foi condenado a pagar custos de 800 libras (cerca de 4.200 reais) e uma sobretaxa de 85 libras (em torno de 450 reais). Ele também recebeu uma ordem de fazer um tratamento para alcoolismo.

Fonte: anda.jor.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui