Início NOTÍCIAS Cadelinha vítima de maus-tratos é encontrada no bairro da granja em Ponta...

Cadelinha vítima de maus-tratos é encontrada no bairro da granja em Ponta Porã, MS

259
0

Clicar sobre a imagem para editar ou atualizar.

Remover imagem destacada

Um anjo identificado como Rogério cruzou o caminho da vida de 03 cachorrinhas no bairro da Granja em Ponta Porã.

Rogério não apenas olhou e foi embora, Rogério não apenas fotografou e pediu ajuda. Rogério teve atitude, socorrendo os pobres bichinhos inocentes e abandonados. Duas cadelinhas estavam bem, apesar da fome e sede, mas uma terceira foi vítima brutal da maldade humana e sua cabeça estava rachada, prova clara de maus tratos.

A doguinha Kira, como está sendo chamada, foi socorrida e encaminhada ao veterinário, com a ajuda da voluntária Marlene da ONG Irmandade das Patinhas e Desviralatas. Marlene relatou que Kira que tem menos de 1,5 quilos, ficou 4 horas na mesa de cirurgia da clínica do veterinário Fabiano Nogueira. Apesar do sucesso da cirurgia, Kira ainda corre o risco de morrer e apesar de ter conhecido, ainda tão pequena, da maldade do homem, também conheceu da bondade humana, pela atitude do Rogério e assistência da voluntária Marlene e do veterinário Fabiano Nogueira.

Como a população sabe, essas Ongs e grupos organizados que se dispõem a ajudar os animais vítimas de maus tratos e abandono, não recebem nenhuma verba governamental, contando apenas com a bondade e colaboração daqueles que amam os que não possuem voz para se defender: os animais, mais especificamente, cães e gatos.

Quem quiser ajudar com algum tipo de contribuição, seja em dinheiro, casinhas, cobertas, medicamentos ou ração entre em contato com a Marlene no telefone: 67 99890-5997.

Deus vê o que fazemos e suas atitudes serão colocadas na sua frente no momento derradeiro de sua morte. Faça o bem sem se importar a quem.

Nunca esqueçamos que maltratar animais é crime previsto na legislação brasileira e oremos pela Kira e por todos os animais que sofrem todos os dias pelas mãos dos ditos humanos e também oremos pela vida do Rogério que alem de ter a atitude de socorro ainda está dando lar temporário para as cachorrinhas.

Fotos: Fabiano Nogueira

Por Dora Nunes 

Fonte e foto: Ponta Porã Informa 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui